Notícias Célia

Fique por dentro das novidades da indústria cerealista no Brasil, e no mundo.

Search
Generic filters

Arroz integral: 7 mitos ou verdades sobre esse poderoso alimento

organic brown rice grain cooked in white dish on rustic wooden table. Integral rice Top view

Cada vez mais indicado e incorporado às dietas do dia a dia, o arroz integral é, reconhecidamente, um alimento poderoso e que traz diversos benefícios à nossa saúde. O cereal, caracterizado por manter a sua casca, no entanto, ainda é motivo de dúvidas e “achismos” das pessoas. Por isso, para sanar algumas questões sobre o uso desse alimento, vamos desvendar o que é, de fato, verdade e o que é meramente “mito” do senso comum.

Segundo a nutricionista Bianca Sermarini há diversas vantagens para incluirmos os tipos de arroz integral em nossa rotina alimentar. Ela explica as razões:

“A porção central do grão integral é composta majoritariamente por amido. Já sua camada mais externa, além de lipídios e proteínas, é rica em vitaminas (tiamina, niacina, riboflavina e alfa-tocoferol), minerais (manganês, magnésio, cobre, selênio, fósforo e potássio) e fibras solúveis e insolúveis. Ele ainda é fonte de compostos fenólicos. O arroz integral apresenta propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes que auxiliam no tratamento e na condução de várias doenças”, destacou a profissional, ressaltando a forma adequada de preparo do arroz integral, para aproveitarmos melhor os seu nutrientes:

“A melhor técnica é deixar o arroz em uma travessa com água durante a noite antes de cozinhá-lo em uma proporção de cinco xícaras de água para cada xícara de arroz”, enfatiza:

7 mitos e verdades sobre o arroz integral: Quais são os seus benefícios para a saúde?

01 – Comer arroz integral ajuda a emagrecer?

VERDADE : O arroz integral é um alimento recomendado para todos aqueles que querem emagrecer com saúde e qualidade de vida. “Além de ajudar no funcionamento do intestino, suas fibras também promovem uma sensação de saciedade, e, consequentemente, você comerá menos”, destaca a profissional.

02 – O arroz integral é bom para o cérebro?

VERDADE: O magnésio, encontrado em grande concentração no cereal, é um importante nutriente para o cérebro. “Ele é necessário para a síntese do neurotransmissor serotonina. O mineral ainda compensa a ação do cálcio em todo nosso corpo, que participa, por exemplo, do processo de transmissão de impulsos nervosos. O magnésio impede que ocorra um aumento abrupto de cálcio nos neurônios”, explica a especialista.

03 – O arroz integral é bom para regular a diabetes?

VERDADE: O arroz integral também é um aliado dos portadores de diabetes do tipo 2. Segundo a nutricionista, nas Filipinas, foi realizada uma pequena pesquisa para avaliar o impacto do consumo de arroz branco e integral em pessoas com e sem diabetes: “O estudo, publicado no International Journal of Food and Nutrition, mostrou que o consumo de arroz integral, ao invés do arroz branco, diminuiu o nível de glicose no sangue tanto nos participantes saudáveis como nos diabéticos (e nesse caso, a redução da glicemia foi de 35%)”, ressalta Bianca.

04 – O arroz integral é bom para o sistema cardiovascular?

VERDADE: Assim como serve para as funções cerebrais, o magnésio do arroz integral também ajuda a regular o ritmo cardíaco, a inibir a agregação das plaquetas e a relaxar o músculo liso dos vasos sanguíneos. “A pectina, fibra solúvel do arroz integral, também ajuda a reduzir outro fator de risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares: o colesterol”, acrescenta a nutricionista.

05 – O arroz branco engorda mais que arroz integral?

MITO: O arroz branco e o integral têm praticamente a mesma quantidade de calorias, sendo o arroz integral, até mesmo, um pouco mais calórico (100 g de arroz branco cozido fornece 170 kcal, enquanto o integral fornece 180 kcal) “Mas a grande vantagem de se consumir o arroz integral é que ele apresenta um maior conteúdo de fibras, que poderão contribuir para a saciedade e o melhor funcionamento do intestino”, enfatiza a Dra. Bianca Sermarini.

06 – Arroz integral não tem gosto de nada?

MITO: Nenhum arroz tem gosto de nada o que vai diferenciar é a forma de preparo. A forma que será feito, refogados com legumes, por exemplo.

Fonte: Conquiste sua vida

Share
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Para mais informações sobre quais tipos de cookies você pode encontrar nesse site, acesse “Definições de cookies”. Ao clicar em “Aceitar todos os cookies”, você aceita o uso dos cookies desse site
Definições de cookies